segunda-feira, 6 de maio de 2013

ROTEIRO PARA O CONSELHO DE CLASSE


 
OBJETIVO:

O conselho de classe tem por objetivo criar  momentos reflexão coletiva de todo o trabalho pedagógico realizado durante a unidade, incluindo como o professor desenvolveu seu trabalho, quais os resultados alcançados e quais serão as estratégias a serem utilizadas diante dos resultados.  Portanto, momento de autoavaliação do professor e aluno. È um momento riquíssimo de aprendizagem para todos, porém, toda aprendizagem requer humildade e comprometimento.    

1º – Momento:
O professor fará uma avaliação do seu trabalho juntamente com os alunos, destacando o desempenho de professor e dos alunos de forma geral sem constranger ninguém!. Essa conversa deve ser franca e clara. Não é momento para acusações, mas para dialogar com os alunos.  ( No E.F. II e E.M. demonstrar estes dados em percentual.  Ex.: Tivemos  85% de médias azuis em matemática.)  Esse momento serve para instigar a reflexão do aluno sobre seu próprio desempenho.

2º – Momento:
O diretor irá a cada turma ouvir o que os alunos tem a dizer a respeito do seu desempenho. Quais são suas dificuldades e expectativas. O que vão fazer para melhorar ainda mais? O diretor deverá anotar as informações relevantes. 

3º – Momento:
O diretor se reunirá com os professores e o coordenador pedagógico para discutirem o trabalho realizado bem como os resultados alcançados e os dados coletados, destacando:
1 – Relação professor-aluno
2 – Questões de indisciplina
3 - Avaliações de desenvolvimento dos alunos, considerando as singularidades de comportamentos, aprendizagens e histórias de vida dos mesmos; 
4 -Autoanálise e autoavaliação dos profissionais de ensino;
5 - Como temos lidado na nossa prática com o "fracasso escolar"?
6 - Que reflexões temos realizado sobre as causas do baixo desempenho dos alunos?
7 - Como está a situação da nossa escola frente aos resultados do IDEB?  Como esse resultado está relacionado ao processo de ensino e aprendizagem e com as avaliações desenvolvidas na escola?
8 - Como utilizamos os resultados das avaliações externas ( Avaliação Municipal, Prova Brasil, Saeb, etc.), como indicadores para o planejamento? 
Pode-se fazer outros questionamentos que o grupo julgar necessário.  

4º  Momento:
Diante do que foi discutido, replanejar (sem nivelar por baixo) os conteúdos conforme os objetivos da unidade. O planejamento deverá  buscar diminuir/sanar as dificuldades do aluno, porém sem desistir dos conteúdos.
Encaminhar para o reforço os alunos que apresentarem dificuldades discrepantes em relação à série. (Discutir em sua escola a possibilidade de implantação de reforço e quais as modalidades necessárias.)
Convocar os alunos para a chamada “ conversa em particular” com o diretor e o coordenador, expondo as questões mais delicadas, ouvindo “as razões” do aluno, e propondo acordos, destacando os direitos e deveres do aluno, previsto no regimento da escola. Apenas  quando  julgar necessário chamar os pais.

5 º Momento:
O professor, deverá registrar no diário, ou ficha individual do aluno, de forma clara e objetiva, o que foi solicitado e combinado com o aluno. Relatar se os pais ou responsáveis estão cientes, etc.
Observação: O conselho de classe por unidade não visa alterar a nota do aluno. Ex.: Se o aluno ficou com nota 4,5 após o conselho, independentemente dos motivos, ele permanecerá com a mesma nota, e será orientado para melhorar na próxima unidade.
Bom trabalho a todos!

Obs.: Todas as escolas da Rede Municipal de Paratinga estão sendo orientadas a realizar o conselho de classe por unidade. 

Por: Coordenação Pedagógica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário